carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Bush promete flexibilidade dos EUA para fechar acordo sobre Doha

O presidente dos Estados Unidos, GeorgeW. Bush, afirmou na sexta-feira (horário local) estar prontopara mostrar flexibilidade para reanimar a moribunda Rodada deDoha de negociações mundiais de comércio, mas alertou que aintransigência de alguns países pode gerar um impasse. "Os EUA têm vontade e flexibilidade para ajudar a concluiruma rodada de Doha de sucesso. E nós instamos nossos parceirosda Apec (associação comercial da Ásia e do Pacífico) a seunirem a nós nesse esforço vital", disse Bush em comentáriospreparados para um fórum empresarial na véspera da cúpulaÁsia-Pacífico. "Nenhum país sozinho pode fazer de Doha um sucesso, mas épossível que alguns países indispostos a fazer as contribuiçõesnecessárias interrompam a Rodada de Doha", afirmou.Bush, que foi acusado por alguns críticos de não dedicaratenção suficiente à região da Ásia e do Pacífico, disse queseu comprometimento com essa parte do mundo é "inabalável". (Por Caren Bohan)

REUTERS

06 de setembro de 2007 | 19h39

Tudo o que sabemos sobre:
DOHABUSHFLEXIBILIDADE

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.