C-Bond fecha em queda de 0,33% e risco Brasil sobe

Os papéis da dívida externa brasileira terminaram em queda nesta quarta-feira, em meio a volume bastante baixo de negociação. O C-Bond, principal título da dívida brasileira negociado no exterior, oscilou entre a mínima de 94,875 centavos por dólar e a máxima de 96,166 centavos por dólar. O último negócio do dia saiu a 95,375 centavos por dólar, queda de 0,33%. O Global 40, outro principal título da dívida brasileira, terminou negociado em 104,45 centavos por dólar, queda de 1,42% sobre o fechamento de terça-feira, depois de oscilar entre a mínima de 103,90 centavos por dólar e a máxima de 106,15 centavos por dólar. O risco Brasil ? taxa que mede a confiança dos investidores estrangeiros na capacidade de pagamento da dívida do país ? estava em alta de 15 pontos, em 575 pontos-base, às 18h30 (horário de Brasília).

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.