Cadastro de pré-pago é mantido por operadoras

O prazo dado pela Secretaria de Segurança Pública para o cadastramento dos celulares pré-pagos terminou sábado, mas as operadoras de telefonia do Estado - Telesp Celular, BCP e Tess -, continuarão aceitando o registro de clientes. A alegação é que não houve nenhum ordem do governo para que o serviço fosse suspenso e, ainda, que muitos clientes tentaram se cadastrar dentro do prazo, mas não conseguiram por causa do congestionamento do sistema. Ontem, a expectativa era de que a Secretaria de Segurança explicasse de que forma seriam aplicadas as multas previstas para quem não se cadastrou. Também era esperado o bloqueio imediato dos aparelhos não cadastrados, mas segundo a secretaria, o bloqueio será gradativo, e os cadastramentos continuarão a ser aceitos no período em que o telefone continuar funcionando, pois esse é o objetivo principal do governo. A lei que determina o cadastramento dos celulares pré-pagos tem por objetivo dificultar a ação de criminosos que se utilizam desse tipo de aparelho para praticar seqüestros, conduzir assaltos e organizar rebeliões nos presídios. Para se cadastrar, o cliente deve entrar em contato com a operadora e informar nome, endereço, números da identidade e do CPF. O cadastramento dos aparelhos pode ser realizado por telefone. Os clientes da Telesp Celular podem realizar seu cadastro pela Internet (veja o link abaixo), nas lojas autorizadas, digitando *5000 do seu celular ou para o número (11) 9696-5000 em qualquer telefone fixo. Na BCP, os usuários devem procurar as lojas autorizadas ou ligar para *611 do seu celular ou para o telefone 5509-6955. Os usuários da Tess devem ligar para 9668, do celular, para (19) 9111-1777, ou acessar o site da operadora (veja link abaixo).Entre as operadoras, a BCP foi a única que divulgou números atualizados sobre o cadastramento, que no sábado atingiu 94% do total de 1,1 milhão de usuários do sistema pré-pago. Até sexta-feira, a Telesp Celular e a Tess tinham cadastrado 90% dos clientes de telefones pré-pagos.

Agencia Estado,

23 de julho de 2002 | 10h32

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.