bolsa

E-Investidor: Itaúsa, Petrobras e Via Varejo são as ações queridinhas do brasileiro

Cade aprova fusão entre Chase e J. P. Morgan

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou hoje a fusão entre o The Chase Manhattan Corporation e o J. P. Morgan, realizada no ano passado e da qual surgiu uma nova entidade denominada J.P. Morgan Chase & CO. O conselheiro-relator Roberto Pfeiffer entendeu que a operação não altera significativamente a estrutura do mercado relevante, em face da pequena participação dessas duas instituições no mercado brasileiro. A Secretaria de Direito Econômico (SDE) do Ministério da Justiça e a Secretaria de Acompanhamento Econômico (SEAE) do Ministério da Fazenda não se manifestaram nesse caso por se considerar impedidas de analisar fusões no sistema financeiro. No julgamento de hoje, os conselheiros do Cade reafirmaram seu entendimento de que o órgão é competente para analisar fusões e incorporações também de bancos.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.