Cade condena siderúrgicas por formação de cartel

Por quatro votos a um, o Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), condenou as siderúrgicas Gerdau, Belgo Mineira e Barra Mansa por formação de cartel, na venda de vergalhões de aço. O Cade aprovou a aplicação de multa de 7% sobre o faturamento bruto das empresas, obtido em 1999, ano anterior à instauração do processo contra as siderúrgicas.O único voto pelo arquivamento do processo foi dado pelo conselheiro Luiz Prado, que justificou não ter encontrado consistência nos dados levantados pelas indústrias da construção civil, que sustentaram a denúncia contra as três siderúrgicas.Pela decisão do Cade, a multa terá que ser recolhida no prazo de 60 dias após a publicação do acórdão no Diário Oficial da União. As empresas, porém, ainda poderão recorrer da decisão no próprio Cade, apresentando embargos de declaração.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.