Wilton Junior/Estadão
Wilton Junior/Estadão

Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Cade investiga Petrobrás por abuso econômico no mercado de gás canalizado

Processo se baseou em denúncia feita pela Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) de que a petroleira estaria fornecendo gás com suposto favorecimento às distribuidoras do Sistema Petrobrás

Luci Ribeiro, O ESTADO DE S. PAULO

12 de novembro de 2015 | 08h45

BRASÍLIA - A Superintedência-Geral do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) instaurou processo administrativo contra a Petrobrás para investigar suposta prática anticoncorrencial de abuso de posição dominante e de limitação, falseamento e prejuízo à livre concorrência no mercado de gás natural canalizado no Estado de São Paulo. A abertura da investigação está formalizada no Diário Oficial da União (DOU) desta quinta-feira. 

O processo foi iniciado com base em denúncia feita pela Companhia de Gás de São Paulo (Comgás) em março do ano passado. A Petrobrás estaria fornecendo gás natural com suposto favorecimento às distribuidoras do Sistema Petrobrás. Dentre as reclamações da Comgás, a empresa alega que a Petrobrás dispensava tratamento discriminatório no Estado por meio de descontos que beneficiariam a Gás Brasiliano Distribuidora (GBD), concessionária de propriedade da Petrobrás. 

A Petrobrás tem 30 dias para apresentar defesa. Ao final da instrução processual, a Superintendência opinará pela condenação da representada ou arquivamento do processo e remeterá o caso para julgamento do Tribunal Administrativo do Cade, responsável pela decisão final.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.