Iano Andrade / Portal Brasil
Iano Andrade / Portal Brasil

Cade multa Mitsubishi em R$ 4,6 milhões e Toshiba em R$ 455 mil

Empresas foram condenadas pelo Conselho Administrativo de Defesa Econômico por formação de cartel

Lorenna Rodrigues, O Estado de S.Paulo

08 Agosto 2018 | 17h52

BRASÍLIA - O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) condenou nesta quarta-feira, 8, a Mitsubishi Eletric Corporation e a Toshiba Cooporation por formação de cartel para fornecimento de equipamentos eletroeletrônicos. A Mitsubishi pagará multa de R$ 4,6 milhões e, a Toshiba, de R$ 455 mil.

A maioria do conselho votou pela condenação das empresas. No mesmo processo, eram investigadas as empresas Alstom e Siemens, que firmaram acordos e não serão condenadas. O cartel atuou mundialmente e foi condenado em outros seis países, como Nova Zelândia, Hungria e pela União Europeia.

No Brasil, o processo foi instaurado em 2006 para apurar combinação de preços e divisão de mercado para fornecimento de aparelhos eletroeletrônicos de direcionamento de fluxo de energia elétrica utilizados em subestações de energia. O esquema teria prejudicado concessionárias de energia elétrica e grandes empresas que adquirem o produto para construir suas próprias subestações.

De acordo com a superintendência do Cade, pelo menos 90 projetos no Brasil foram discutidos pelo esquema, inclusive licitações da Companhia Paranaense de Energia (Copel) e da Light.

Os advogados da Mitsubishi e da Toshiba alegaram no julgamento não haver provas contra as empresas.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.