Café sobe com notícia de quebra de safra

O preço do café arábica disparou ontem na Bolsa de Nova York. O contrato com vencimento em março, mais negociado, fechou com alta de 2,67%, cotado a 128,95 cents/lb, depois de atingir o maior preço em um mês em meio. A disparada refletiu a declaração de um agrônomo da Cooxupé, maior cooperativa do país, de que a safra brasileira pode ser de apenas 43 milhões de sacas. Apesar dos problemas climáticos enfrentados entre agosto e outubro, o mercado esperava uma colheita de 50 milhões de sacas.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.