Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Caged: 138.402 empregos formais foram criados em julho

Foi o melhor resultado em 2009; indústria abriu 17.354 novos postos, mas ainda tem saldo negativo de 127.123

Isabel Sobral, da Agência Estado,

18 de agosto de 2009 | 11h54

O Cadastro Geral de Empregados e Desempregado (Caged) de julho registrou a criação de 138.402 empregos formais, segundo dados divulgados nesta terça-feira, 18, pelo Ministério do Trabalho e Emprego. Esse saldo líquido positivo é resultado de 1.398.181 contratações e 1.259.779 demissões e representa um crescimento de 0,43% em relação ao estoque de empregos de junho. Segundo o ministério, o saldo é o melhor resultado do Caged para o ano de 2009.

 

Veja também

Mercado de trabalho formal deve continuar crescendo, diz Lupi

especialAs medidas do emprego 

Em julho de 2008, o Caged havia registrado um saldo positivo de 203.218 empregos formais. No acumulado de janeiro a julho deste ano, o Caged acumula um saldo positivo de 437.908 empregos com

carteira assinada, o que representou um aumento de 1,37% sobre o estoque de empregos existente no fim de dezembro de 2008. Nos sete primeiros meses do ano passado, tinham sido criados 1.564.606 empregos formais.

 

Indústria

A indústria gerou em julho um saldo líquido positivo de 17.354 empregos formais, segundo os dados do Caged. Esse foi o melhor desempenho mensal do setor desde o agravamento da crise econômica, em setembro do ano passado. Porém, segundo o Caged, o saldo entre admissões e demissões na indústria começou a ficar negativo em novembro de 2008. No acumulado de 2009 de janeiro a julho, o saldo de empregos formais na indústria ainda está negativo, em 127.123.

 

Ainda segundo os dados do Caged, o setor que mais se destacou em julho foi a construção civil, com saldo positivo de 32.175 postos de trabalho com carteira assinada. Nos sete primeiros meses de 2009, o setor registra um saldo positivo de 111.580 empregos formais.

 

Também em julho, o setor de serviços registrou saldo positivo de 27.655 vagas formais, elevando para 263.090 o número de postos de trabalho formais criados no acumulado de janeiro a julho deste ano.

Tudo o que sabemos sobre:
Cagedempregojulho

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.