Caged: cidades criam mais vagas de trabalho que interior

As cidades voltaram a gerar mais emprego com carteira assinada, em setembro, do que o interior, segundo dados do Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged), divulgados pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) na tarde desta quarta-feira, 16. O conjunto das nove áreas metropolitanas avaliadas pelo governo foi responsável pela criação de 77.341 postos de trabalho. Já o interior desses conglomerados ampliou o mercado com 69.080 postos no período.

CÉLIA FROUFE, Agencia Estado

16 de outubro de 2013 | 15h30

A expansão do emprego nas cidades, conforme o MTE, é resultado do aumento generalizado do mercado de trabalho. As áreas metropolitanas que se destacaram positivamente foram São Paulo (26.891 postos), Rio de Janeiro (11.720), Recife (9.968) e Belo Horizonte (8.040). Também são avaliadas as regiões metropolitanas da Bahia, Ceará, Pará, Paraná e Rio Grande do Sul.

No interior, os Estados que mais geraram emprego foram Pernambuco (20.020), São Paulo (18.384 postos) e Paraná (9.861). A exceção da ampliação do mercado de trabalho ficou por conta do interior de Minas Gerais, com o fechamento de 1.115 postos.

Tudo o que sabemos sobre:
empregoCagedsetembrocidades

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.