Cai número de lançamentos imobiliários, mas vendas sobem

O mercado imobiliário da cidade de São Paulo registrou um dos menores índices de lançamentos de imóveis dos últimos anos. O balanço semestral do setor registrou uma redução de 38% no número de lançamentos, de 8.600 unidades, em relação às 14 mil unidades lançadas no primeiro semestre de 2003. Em contrapartida, em valores de venda, o volume de lançamentos somou R$ 2,6 bilhões, igual ao primeiro semestre do ano passado.Segundo Ricardo Pereira Leite, diretor do Secovi-SP, entidade que reúne empresas do ramo imobiliário, o mesmo patamar de volume de vendas se deve à comercialização de imóveis de alto padrão, que respondem por 50% do volume do valor total.Já o número de unidades vendidas no primeiro semestre de 2004, superou em 29% o total de imóveis comercializados no mesmo período do ano passado. Foram vendidos 9.223 unidades este ano, contra 7.218 dos primeiros seis meses de 2003. De acordo com o presidente da entidade, Romeu Chap Chap, o crescimento das vendas já reflete a retomada da economia.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.