Caixa destina R$ 16,48 bilhões para o Minha Casa, Minha Vida no primeiro semestre

Segundo o vice-presidente de governo da Caixa, Jorge Hereda, já foram entregues 120 mil unidades dentro do programa e a expectativa é fechar o ano com 300 mil unidades no País

Fabiana Holtz, da Agência Estado,

19 de julho de 2010 | 12h31

A Caixa Econômica Federal informou que o programa "Minha Casa, Minha Vida" atingiu 542 mil contratos assinados até junho em âmbito nacional, desde seu lançamento, em abril do ano passado. Apenas no Estado de São Paulo já foram contratadas 109.651 unidades habitacionais no mesmo período dentro do programa, totalizando R$ 7,17 bilhões.

No primeiro semestre, do total da carteira de crédito da Caixa para financiamento de imóveis, que é de R$ 34,1 bilhões, foram destinados R$ 16,48 bilhões para o "Minha Casa, Minha Vida" em todo o Brasil. Segundo o vice-presidente de governo da Caixa, Jorge Hereda, já foram entregues 120 mil unidades dentro do programa e a expectativa é fechar o ano com 300 mil unidades no País.

Em São Paulo, a carteira de financiamento total, incluindo o programa, durante o primeiro semestre deste ano soma 128.874 contratos, o que representa aumento de 16,68% sobre os 110.450 do mesmo período do ano passado. Em valores, o Estado registrou aumento de 71,72%, passando de R$ 5,3 bilhões no primeiro semestre de 2009 para R$ 9,1 bilhões de reais no primeiro semestre deste ano. Conforme a Caixa, se mantido esse ritmo até o final do ano, o volume de financiamento habitacional no Estado deve ultrapassar com facilidade R$ 12,1 bilhões registrados em 2009.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.