coluna

Dan Kawa: Separar o ruído do sinal é a única forma de investir corretamente daqui para a frente

Caixa reduz taxa mínima para financiar moto de 0,75% ao mês

Banco tem a meta de alcançar pelo menos 10% desse segmento  até 2014

Eduardo Cucolo, da Agência Estado,

17 de maio de 2013 | 13h03

BRASÍLIA - A Caixa Econômica Federal reduziu a taxa mínima de juros da linha de financiamento de motocicletas, para pessoa física, de 1,25% para 0,75% ao mês. A taxa máxima se mantém em 1,51% ao mês, dependendo do prazo e do relacionamento do cliente com o banco. De acordo com a Caixa, o prazo máximo de financiamento é de 36 meses, para motos a partir de 150 cilindradas, e de 48 meses, a partir das 250 cilindradas.

"A iniciativa faz parte do objetivo estratégico da Caixa de aumentar sua atuação no segmento de veículos, no qual atua em conjunto com o Banco Panamericano", cita nota sobre o tema. Em abril, os dois bancos responderam por 10% da concessão de crédito no segmento. O saldo da carteira conjunta representa 6,3% do mercado. A Caixa tem a meta de alcançar pelo menos 10% do mercado até 2014.

Para o vice-presidente de Negócios Emergentes da Caixa, Fábio Lenza, a redução nos juros para motocicletas vai contribuir para intensificar ainda mais a atuação do banco no segmento. "A carteira de veículos da Caixa evoluiu 121,6% em 2012, recorde do banco para esse tipo de financiamento. Com R$ 2,5 bilhões de saldo hoje, a previsão de crescimento para este ano é de 100%", afirmou.

Tudo o que sabemos sobre:
Caixataxamotosfinanciamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.