Caixa vai atuar nos municípios sem banco

O presidente Fernando Henrique Cardoso disse, nesta terça-feira, no programa semanal de rádio ?Palavra do Presidente?, que a Caixa Econômica Federal estará presente em todos os municípios brasileiros a partir do mês de maio.?A Caixa está contratando padarias, farmácias, mercearias ou armazéns para que funcionem como bancos?, disse o presidente.Nessas localidades não existem bancos, e os estabelecimentos comerciais contratados como correspondentes bancários pagarão benefícios sociais do governo como Bolsa-Escola, Bolsa-Alimentação, Bolsa-Renda e outros.De acordo com a Caixa Econômica Federal, o credenciamento dos estabelecimentos comerciais já começou. Os correspondentes bancários estão sendo contratados em 1.997 municípios que não contam com casas lotéricas nem agências bancárias.Todos eles farão os pagamentos dos benefícios sociais do governo, inclusive aposentadorias e pensões do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), além de receber contas de água, luz e telefone.Segundo o presidente, para ter acesso ao pagamento, bastará o beneficiário passar no computador o cartão, e o funcionário do estabelecimento comercial lhe entregará o dinheiro destinado pelo Governo Federal.?A chave para receber o recurso é o cartão magnético que você deve guardar com muito cuidado?, disse o presidente, no programa de rádio.Fernando Henrique Cardoso anunciou que, em janeiro, serão 300 os municípios que contarão com correspondentes bancários. Mais 500 municípios serão integrados à rede da Caixa em fevereiro.Segundo a Caixa, todos os estabelecimentos credenciados serão interligados com os computadores da instituição via satélite e em tempo real.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.