Cálculos do FGTS podem surpreender

O trabalhador que tinha conta do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) na época dos planos Verão e Collor I pode calcular a diferença a ser recebida fazendo as contas de acordo com a tabela abaixo. Alguns valores podem surpreender. Por exemplo: quem tinha durante o Plano Verão I um saldo equivalente ao preço de um Uno zero, que custava na época Cz$ 4,8 milhões, a diferença a ser recebida será de R$ 3.984,00. Se essa conta existia tanto no Plano Verão quanto no Plano Collor 1, a diferença sobe para R$ 16.320,00, uma quantia superior ao preço atual do Uno Mille zero, de R$ 11.800,00. Outro exemplo: se o saldo durante o Plano Verão fosse o equivalente ao preço de um apartamento de um quarto no bairro de Santa Cecília na cidade de São Paulo, na época Cz$ 16 milhões, a diferença a ser recebida será de R$ 13.280,00. Se esse mesmo valor estivesse numa conta que existia tanto no Plano Verão quanto no Plano Collor 1, a diferença passa a ser de R$ 54.400,00. Como atualizar valores até 10 de setembro de 2000 Situação Procedência A conta existia apenas em janeiro de 1989 (Plano Verão) Divida o saldo existente em 1º de dezembro de 1988 por 1000 Multiplique o resultado por R$ 0,83 A conta existia tanto em janeiro de 1989 (Plano Verão) como em abril de 1990 (Plano Collor 1) Divida o saldo em 30 de dezembro de 1988 por 1000 Multiplique o resultado por R$ 3,40 A conta existia apenas em abril de 1990 (Plano Collor 1 Divida o saldo em 2 de abril de 1990 por 1000 Multiplique o resultado por R$ 18,59

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.