Calor faz consumo de energia subir 8,4% em dezembro

O consumo de energia elétrica no Brasil apresentou, em dezembro, um forte crescimento, de 8,4%, ante igual período de 2008, segundo informou hoje a Empresa de Pesquisa Energética (EPE) em sua resenha mensal sobre o mercado. De acordo com a EPE, a temperatura foi o principal fator de estímulo ao consumo. O montante demandado no País no último mês do ano passado totalizou 34,5 mil gigawatts-hora (GWh). No acumulado do ano de 2009, no entanto, o consumo teve queda de 1,1%.

KELLY LIMA, Agencia Estado

25 Janeiro 2010 | 13h04

Os consumos residencial e comercial foram os destaques em dezembro, registrando taxas de 11,7% e 13,4%, respectivamente, ante o mesmo mês de 2008. No acumulado de 2009, ambos os segmentos apresentaram crescimento, de 6,2% e 6,1%. Já o segmento industrial, que cresceu 6,6% em dezembro ante o mesmo mês em 2008, registrou queda de 8% no acumulado do ano, ante 2008.

A Região Sudeste foi o maior destaque do mês de dezembro, com crescimento de 9,8%. Porém, no acumulado de 2009, ela teve uma queda de 2,4%, ligada principalmente ao consumo do setor industrial, que caiu 9,8% entre janeiro e dezembro. "Como ressaltado ao longo do ano, o mercado brasileiro de energia elétrica sofreu forte impacto da crise financeira internacional, porém seus efeitos se concentraram na classe industrial, como consequência da imediata e profunda retração da atividade deste segmento", informou a EPE.

Mais conteúdo sobre:
calorconsumoenergiaEPE

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.