Câmara dos EUA aprova ajuda bilionária a mutuários

A Câmara dos Estados Unidos aprovou ontem à noite um projeto de lei apresentado por deputados democratas para ajudar milhares de donos de imóveis americanos com dificuldade para arcar com a elevação do juro das hipotecas de altíssimo risco em meio à queda vertiginosa dos preços das casas.No entanto, o presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, ameaça vetar a medida aprovada por 266 votos a favor e 154 contra. Opositores do plano alegam que os compradores de imóveis e inquilinos mais prudentes não podem ser punidos por mutuários que jogaram com a elevação do preço dos imóveis e perderam.Pela proposta aprovada ontem, a agência federal de habitação dos EUA liberaria US$ 300 bilhões para refinanciar, com juros menores, as hipotecas de cerca de meio milhão de mutuários endividados. Os autores do projeto acreditam que a medida ajudará a revigorar a economia americana, duramente afetada pela chamada crise do crédito subprime. As informações são da agência Associated Press.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.