carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Câmbio leva Gol a lucrar R$ 354 milhões no 2º trimestre

Impulsionada pela valorização do real, a Gol registrou lucro líquido de R$ 354 milhões no segundo trimestre. No mesmo período de 2008, a empresa teve prejuízo de R$ 166,5 milhões. Na comparação com o primeiro trimestre, o lucro líquido da companhia cresceu 475% (saindo de R$ 61,4 milhões). "Conseguimos recuperar parte do impacto negativo que tivemos quando o dólar foi a R$ 2,30", afirmou o presidente da Gol, Constantino de Oliveira Junior. Em termos operacionais, a empresa obteve um resultado positivo de R$ 89,9 milhões. Apesar de inferior ao resultado operacional do primeiro trimestre (de R$ 105 milhões), este foi o quarto trimestre consecutivo de resultado operacional positivo para a Gol, que acumulou mais de R$ 1 bilhão de prejuízo depois da aquisição da Varig, em março de 2007. "Agora a gente começa a consolidar os benefícios da incorporação da Varig", afirmou Junior. "Finalmente conseguimos reduzir custos e melhorar a qualidade da receita." A receita líquida da Gol ficou em R$ 1,39 bilhão no segundo trimestre, queda de 8,1% na comparação com o primeiro trimestre. No período, os custos caíram 7,6%. A queda na receita, de acordo com Junior, se explica pelo fato de que o segundo trimestre é o mais fraco do ano para o setor. As férias de julho superaram as expectativas do empresário, que está mais otimista com relação ao crescimento do setor para este ano. "No início do ano falávamos em um crescimento de 2% a 4%, e agora acredito que devemos atingir os 4%."

Mariana Barbosa, O Estadao de S.Paulo

12 de agosto de 2009 | 00h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.