Camex aplica direito antidumping à importação de pneus

A Câmara de Comércio Exterior (Camex) decidiu aplicar direito antidumping definitivo, por até 5 anos, às importações brasileiras de pneus novos de borracha para automóveis de passageiros, de construção radial, vindas da Coreia, Tailândia, Taipé Chinês e Ucrânia.

LUCI RIBEIRO, Agencia Estado

16 de janeiro de 2014 | 08h09

Os produtos atingidos pela punição são das séries 65 e 70, aros 13'''' e 14'''' e de bandas 165, 175 e 185, classificados no item 4011.10.00 da Nomenclatura Comum do Mercosul (NCM), segundo explica resolução da Camex publicada no Diário Oficial da União desta quinta-feira, 16.

O direito será recolhido sob a forma de alíquota específica fixada em dólares por quilograma. Os montantes para cada país e respectivas empresas estão detalhados na resolução, que também traz os fatos que justificaram a decisão.

Tudo o que sabemos sobre:
Camexpneusantidumping

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.