Ações

Empresas de Eike disparam na bolsa após fim de recuperação judicial da OSX

Camex reduz sobretaxa de glifosato da China para 11,7%

A Câmara de Comércio Exterior (Camex) reduziu hoje de 35,8% para 11,7% a sobretaxa aplicada sobre as importações de matérias-primas da China para a produção de glifosato. O glifosato é um herbicida muito usado nas lavouras de soja convencional e geneticamente modificada no Brasil.A sobretaxa aplicada às importações de glifosato da China teve sua validade prorrogada desde o último dia 12. A prorrogação da validade e a redução do porcentual devem-se à decisão da Camex de realizar nova investigação para averiguar a necessidade ou não da sobretaxa. Sobre as importações do produto chinês já era aplicada a Tarifa Externa Comum (TEC) de 12% a 14%. A sobretaxa de 35,8% entrou em vigor em 2003 para evitar a importação do herbicida por preços menores que o custo de produção no Brasil, o que é conhecido por dumping.

FABÍOLA GOMES, Agencia Estado

21 de fevereiro de 2008 | 14h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.