Informação para você ler, ouvir, assistir, dialogar e compartilhar!
Tenha acesso ilimitado
por R$0,30/dia!
(no plano anual de R$ 99,90)
R$ 0,30/DIA ASSINAR
No plano anual de R$ 99,90

Caminhoneiros da Argentina suspendem greve

O sindicato dos caminhoneiros da Argentina suspendeu a greve nacional, marcada para a zero hora de hoje, e negocia com a petrolífera Repsol-YPF. A informação é do assessor de imprensa da Central Geral do Trabalho (CGT), Héctor López.Os caminhoneiros se recusam a continuar trabalhando sob o sistema de vigilância por satélite, adotado nas unidades de transporte da companhia. Segundo o sindicato, o sistema funciona com bateria de alta tensão elétrica, o que colocaria em risco a vida dos caminhoneiros. Na semana passada, uma falha no sistema provocou um incêndio em um caminhão, seguido de explosão, na qual morreram dois motoristas.Havia um receio de que a greve, a princípio de um dia, se estendesse, comprometendo o abastecimento de combustíveis na Argentina. A greve foi convocada pelo líder do sindicato, Pablo Moyano, filho do titular da CGT, Hugo Moyano, aliado do governo.

MARINA GUIMARÃES, Agencia Estado

17 de novembro de 2008 | 13h11

Tudo o que sabemos sobre:
Argentinagreve

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.