Campo de gás será curinga em negociação com Bolívia

A Petrobras vai entrar nas negociações sobre aumento de preço do gás natural com a Bolívia usando o campo de Tupi, e especialmente a recente descoberta de gás na área de Júpiter, como curingas para demonstrar uma menor dependência do país vizinho. "É claro que estamos em uma situação mais confortável para iniciar estas conversas do que se não tivéssemos as descobertas", admitiu Estrella em entrevista coletiva à imprensa hoje no Rio.Indagado sobre essa perspectiva, o diretor relembrou que o senador Severo Gomes, morto no acidente de helicóptero que matou também Ulysses Guimarães, costumava alertar aos amigos que "nunca entrassem em uma loja para comprar uma geladeira se não pudesse sair da loja sem esta geladeira". "O ideal é entrar na loja sabendo que você pode sair da loja sem a geladeira. Hoje nós ainda não podemos", completou.Ainda na entrevista, Estrella rechaçou as especulações que circularam no mercado de que a Petrobras poderia ter forçado a divulgação desta nova descoberta em uma época em que estava com suas ações desvalorizadas na Bolsa, ou que se encontra prestes a se reunir com representantes bolivianos para iniciar uma nova rodada de negociações. "Isso não existe. A sonda foi retirada do poço no domingo e tão logo tivemos os primeiros resultados já informamos ao mercado e à ANP (Agência Nacional de Petróleo)", disse Estrella.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.