Cargill estuda distribuir sua participação majoritária na Mosaic

A gigante agroindustrial norte-americana Cargill disse na terça-feira que planeja distribuir sua participação majoritária em uma das maiores produtoras mundiais de fertilizantes, a Mosaic, abrindo caminho para que a BHP Billiton ingresse no negócio.

REUTERS

18 de janeiro de 2011 | 21h29

A Cargill afirmou que distribuirá sua participação de 64 por cento na Mosaic, avaliada em 24 bilhões de dólares, a seus acionistas e detentores de dívida.

O interesses dos investidores nas empresas de fertilizantes aumentou no ano passado depois que a BHP Billiton tentou, sem sucesso, comprar a canadense Potash por 39 bilhões de dólares. A oferta foi bloqueada pelo governo canadense, que alegou que não beneficiava o país.

Os investidores de mineração afirmaram que a distribuição a ser feita pela Cargill poderia eventualmente colocar a Mosaic em jogo, com gigantes do setor sendo potenciais licitantes.

A BHP, com base em Londres e na Austrália, e a brasileira Vale são as duas maiores mineradoras mundiais. Atualmente, a BHP não está envolvida no negócio de fertilizantes.

(Reportagem de Euan Rocha e Michael Erman)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSCARGILLMOSAIC*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.