Carolina Antunes/PR
Carolina Antunes/PR

Carlos Slim promete investir no Brasil R$ 30 bi em três anos

Executivo mexicano afirma que recursos serão usados para ampliar a infraestrutura para novos serviços de telefonia no País

Lígia Formenti, BRASÍLIA

20 de novembro de 2019 | 19h29

O empresário mexicano Carlos Slim Domit,  presidente do Conselho de Administração do grupo América Móvil, que controla a Claro, a Embratel e a Net no Brasil, apresentou nesta quarta-feira, 20, ao presidente Jair Bolsonaro um plano de investir no Brasil o equivalente a R$ 30 bilhões nos próximos três anos. 

Ao sair do encontro, realizado no Palácio do Planalto, Domit afirmou que a visita foi de cortesia e que o aporte de recursos será feito sobretudo para ampliar a infraestrutura necessária para ampliação dos serviços da rede que o grupo já tem no País e para armazenamento de dados em nuvens. O empresário afirmou que o investimento é reflexo da importância do País para o desenvolvimento da América Latina. 

Interesse na internet 5G

Filho do bilionário Carlos Slim, que também é dono da Telmex no México, Dormit confirmou o interesse da companhia no desenvolvimento da internet 5G no Brasil. "Estaremos ativos e com muito interesse", observou. Questionado se tem preferência por alguma empresa fornecedora de tecnologia para o mercado 5G, ele foi diplomático. 'Trabalhamos com todos. Temos uma boa relação com todos", completou. 

Sobre o prazo para a realização do leilão da 5G, que está previsto para o segundo semestre de 2021, Dormit também foi evasivo. Ele declarou que o ideal é que a tecnologia seja estabelecida dentro de uma estratégia de "muito investimento, muita cobertura e desenvolvimento de muitos serviços para o desenvolvimento do País."

 

Tudo o que sabemos sobre:
ClaroTelmex5G

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.