Carrefour nega, na França, plano de vender rede Dia%

A rede de varejo francesa Carrefour anunciou hoje que suas operações de supermercados populares (lojas que oferecem descontos maiores nos produtos, "hard discount") não estão à venda, negando notícia publicada pelo jornal francês Les Echos. A empresa informou também que está formando uma equipe de administração de propriedades. No Brasil, essa rede é conhecida pela marca Dia%.De acordo com o jornal, a companhia teria contratado o Rothschild Bank para estudar a venda. "O projeto de vender essas operações não está no mercado", afirma o grupo em comunicado.A empresa acrescentou que está reunindo uma equipe para o projeto de separar algumas holdings de propriedades em uma nova companhia. "Isso não é uma simples transação financeira, mas o desenvolvimento de um novo negócio. Para isso, um novo negócio de bens imobiliários está sendo criado e uma equipe de administração está sendo formada."Segundo o jornal francês, o plano do grupo de organizar uma oferta pública inicial (IPO, na sigla em inglês) de ações de sua divisão de propriedades estaria enfrentando problemas por causa da crise no mercado de crédito.Às 8h40 (de Brasília), as ações do Carrefour subiam 1,26% na Bolsa de Paris, cotadas em 53,07 euros. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.