Marco Ankosqui
Marco Ankosqui
Conteúdo Patrocinado

Carro é a opção mais segura em tempos de pandemia

Transporte individual próprio ou por app oferece menos riscos de contaminação pela covid-19

Movida, Media Lab Estadão
Conteúdo de responsabilidade do anunciante

26 de agosto de 2020 | 16h18

Apesar da busca por alternativas de locomoção — para economizar dinheiro e tempo no trânsito, ter mais comodidade e a liberdade de ir e vir — em tempos de crise sanitária, o carro assume novo protagonismo na mobilidade urbana. Ele é considerado o modal mais seguro quando comparado ao transporte público, sobretudo neste momento com a retomada gradual das atividades nas cidades.

Para oferecer facilidades a quem opta ou precisa desse modal para se deslocar, os fornecedores de veículos tiveram que se adaptar. A Movida — que atua no varejo (aluguel e venda de seminovos) e no mercado corporativo (terceirização de frotas para empresas) — reformulou seu portfólio para atender às necessidades dos últimos cinco meses. “Apesar dos níveis de isolamento acima de 40% e menos trânsito nas ruas, há a demanda por carros de aplicativo”, avalia Renato Franklin, CEO da empresa. “Tanto que já estamos com volume de veículos alugados por motoristas de app igual ao período anterior à pandemia.”

Locação mensal em crescimento

Mas não só para esse público. De acordo Frankin, o aluguel mensal para pessoa física é o que mais cresce na companhia: entre abril e julho, quantidade de diárias saltou  de 1 milhão para 1,4 milhão.  “São clientes que rodam até 1.500 km/ mês e já estão cientes dos ganhos da locação”, explica.

Para atender aos novos perfis, a Movida criou vários produtos, fundamentais para manter as receitas. “Com eles e em alguns casos, já atingimos patamares superiores ao período pré-pandemia, uma vez que o turismo de grandes distâncias ainda não retornou.”

Aluguel pode ser excelente negócio

A empresa promove várias ações e descontos para atrair novos públicos. “No passado, modalidade era ainda cara e os clientes ficavam receosos”, lembra Franklin. De acordo com o CEO, em 2018, apenas 3% dos habilitados no Brasil já haviam utilizado o serviço, mas o aluguel anual ampliou o acesso “As pessoas descobrem que é viável, tanto que a classe C já representa 11% de nossos clientes. Existem grandes oportunidades para todos nesse modelo de negócio.”

A Movida foi a primeira locadora a lançar, em 2017, um modelo de aluguel mensal para pessoa física, com desconto progressivo. “Uma diária está na faixa dos R$ 75-80. Se optar por um aluguel mensal (R$1.200), equivale a R$ 40/dia. No anual esse valor é ainda menor, abaixo de R$1.000”, explica o CEO.

Nessa faixa, um exemplo é Movida Zero km, de R$ 869,10/ mês (Fiat Mobi, plano 24 meses, franquia 1.000 km), sendo que alguns planos também podem contar com outras promoções. “Com elas, um Fiat Mobi pode chegar a R$ 900, equivalente a R$ 30/dia. Ou seja, o que muita gente gasta com várias conduções para ir e voltar. Se dividir o valor entre duas ou três pessoas, todas ganham em tempo, dinheiro, conforto e comodidade.”

Ofertas para quem atua na linha de frente

A Movida também criou descontos e promoções para os profissionais das áreas de saúde. Já os motoristas de aplicativo recebem, além da higienização reforçada do carro, a desinfecção do ar-condicionado, gratuita, sem limite de uso e que demora apenas 10 minutos. O serviço é oferecido em bases localizadas em São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte (e, em breve, em Salvador e Brasília).

Para maior segurança, o cliente pode contratar a película de acrílico, que separa o motorista do passageiro. Foram criados ainda planos para quem roda pouco, com menos quilometragem. Para quem contraiu a doença, a empresa isentou duas mensalidades, permitindo que os profissionais se recuperassem em casa sem arcar com essa despesa.

A Movida também oferece serviços gratuitos exclusivos para o motorista em suas lojas, com espaços para descanso e refeições, cadeira de massagem, totó e banheiro com chuveiro.

Alugados ganham espaço nas empresas

Com a pandemia, os alugados tornaram-se opção para algumas companhias: elas passaram a oferecer esse benefício no lugar dos ônibus fretados e do vale-transporte. “Com o valor do VT, em média de R$ 350, três pessoas se reúnem para um aluguel de R$ 900. Os funcionários vão de carro, mais isolados e seguros do no transporte coletivo ou fretado”, comenta o CEO.

Destaques numéricos:

  • Entre abril e julho, a quantidade de diárias saltou de 1 milhão para 1,4 milhão
  • No Movida Zero km, um Fiat Mobi pode ser locado por R$ 30/dia
  • 48% das vendas da Movida são online
  • No segundo trimestre deste ano, as vendas de seminovos foram 20% maiores que as registradas no mesmo período de 2019

Vantagens de alugar um carro

  •  Despesas com manutenção, impostos, seguro e tags de pagamento automático incluídas na locação;
  •  Veículos novos e manutenções sempre em dia;
  •  Em viagens curtas, a diária pode ser mais vantajosa do que adquirir passagens rodoviárias para toda a família;
  •  Mesmo que a parcela do financiamento esteja dentro do orçamento, há gastos com manutenção, troca de pneus, seguro e outros imprevistos.  

Soluções para todos

  • Mensal Flex - aluguel mensal para pessoa física pelo período mínimo de 30 dias. Permite pagar e devolver o carro a qualquer momento; com desconto progressivo (quanto maior o tempo de locação, maior o desconto no preço, limitado a 24 meses), com opção de compartilhamento (condutor adicional).
  • Movida Zero km - o cliente assina o carro novo por período mínimo de 12 meses (ou 18, 24 e até 36 meses), sem preocupação com desvalorização, documentação, IPVA, licenciamento, seguro e manutenções.
  • Movida Anual – aluguel de carro da frota (contratação por grupo tarifário, conforme disponibilidade, pelo período de 12 meses) para retirada em uma das lojas, documentação, IPVA, manutenções, licenciamento e seguro inclusos.
  • Uso de dois CPFs: permite o compartilhamento do mesmo veículo (dois cartões), ideal para duas pessoas que moram e trabalham próximas.
  • Delivery Connection para pessoa física: contratação do aluguel de forma digital com entrega e retirada do veículo no endereço do cliente.
  •  Vendas online: foram incorporadas ferramentas que apoiam a negociação, como videoconferências com os consultores, transação do cartão de crédito de forma digital e delivery
  •  Financiamento de usados, com delivery no endereço desejado, planos com entrada após 180 dias, taxas a 0,99% ou zero.
  •  Feirões 100% online: com a pandemia, já é parte da programação mensal.
  • B2B Digital: novo serviço online de gestão de frota para pequenas empresas (menos de dez carros).

 

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.