Carro movido a energia solar é apresentado na Colômbia

Modelo faz 120 quilômetros por hora e vai disputar corrida mundial de carros solares na Austrália

EFE,

12 de agosto de 2013 | 16h41

BOGOTÁ - Um veículo movido a energia solar, com aspecto de um disco voador, foi desenvolvido na Colômbia com investimentos de US$ 1 milhão.

O veículo chamado 'primavera' vai participar do Desafio Mundial de Energia Solar na Austrália, a corrida mais importante da categoria. A prova será disputada entre 6 e 13 de outubro por 47 equipes de 26 países.  

O Primavera foi desenvolvido desde outubro de 2002 por um grupo de 40 estudantes e engenheiros da Universidade Eafit e de empresas públicas de e Medellín.

O carro tem 1,70 metro de largura, 4,5 metros de comprimento e 1,10 metro de altura. Pesa 350 quilos e é resultado da paixão de um grupo acredita que a energia solar pode ser usada para substituir combustíveis fósseis.

Jorge Andrés Barrera, líder da equipe, explica que o carro atinge velocidade máxima de 120 quilômetros por hora e tem aerodinâmica que ajuda a economizar combustível.

A corrida de carros solares será disputada  em uma pista de 3 mil quilômetros entre as cidades australianas de Darwin e Adelaida.

O carro será dirigido por quatro pilotos que vão se revezar durante o trajeto. Os pilotos não podem ter mais de 1,65 metro de altura e 65 quilos de peso.

Tudo o que sabemos sobre:
energia solar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.