Carta de intenções com FMI está avançada, diz secretário argentino

O secretário de Finanças da Argentina, Guillermo Nielsen, afirmou em Washington, onde se encontra há duas semanas, que as negociações com o Fundo Monetário Internacional (FMI) relacionadas à carta de intenções "estão avançadas". "Regressarei a Buenos Aires com um avançado projeto de carta de intenção, fruto de duas semanas de intenso trabalho com as autoridades e os técnicos do FMI". O secretário desembarcará no país neste sábado e passará todo o fim de semana reunido com a equipe econômica para analisar o rascunho do acordo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.