Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Carteira de crédito da CEF pode aumentar 50% este ano

O presidente da Caixa Econômica Federal, Jorge Matoso, disse hoje, depois de participar de reunião com o presidente Luiz Inácio Lula da Silva, que a carteira de crédito comercial da instituição poderá chegar aos R$ 30 bilhões neste ano. Se isso se concretizar, haverá um aumento de 50% em relação aos R$ 20 bilhões do ano passado. Matoso também informou que já foram disponibilizados em crédito comercial cerca de R$ 15 bilhões.Segundo ele, o fluxo de concessão de empréstimos tem sido muito beneficiado pelo bom desempenho da economia. Matoso também informou que espera aplicar este ano em saneamento entre R$ 1,9 bilhão a R$ 2 bilhões e mais R$ 3,5 bilhões a R$ 4 bilhões para o setor de habitação. Segundo Matoso, a CEF já aplicou R$ 35 milhões em operações de microcrédito este ano. A expectativa da CEF, segundo Matoso é que esse valor fique um pouco abaixo de R$ 100 milhões, até o final do ano.

Agencia Estado,

02 de setembro de 2004 | 14h57

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.