carteira

As ações mais recomendadas para dezembro, segundo 10 corretoras

Casa Branca: desemprego ainda pode atingir 10% no ano

A Casa Branca afirmou que os dados de emprego de julho são outro sinal de que a economia dos Estados Unidos está se movendo na direção certa, mas alertou que a taxa de desemprego ainda pode atingir 10% este ano. "Ainda estamos perdendo empregos e ainda temos trabalho a fazer", disse o porta-voz da Casa Branca, Robert Gibbs.

AE, Agencia Estado

07 de agosto de 2009 | 12h01

A economia norte-americana cortou 247 mil empregos em julho, o menor corte nos postos de trabalho desde agosto do ano passado e abaixo da previsão de economistas, de uma redução de 275 mil vagas. A taxa de desemprego nos EUA recuou 0,1 ponto porcentual em julho ante junho, para 9,4%, e ficou abaixo da previsão de analistas, que era de alta para 9,7%. "É mais evidência de que saímos da extremidade e nos afastamos da beira de uma depressão", afirmou Gibbs.

Recessão

Já a secretária de Trabalho dos EUA, Hilda Solis, afirmou hoje, em entrevista à rede de notícias financeiras CNBC, que os números de emprego nos EUA melhores que o previsto não sinalizam que a recessão acabou. "Eu não diria que acabou. Enquanto continuarmos vendo perdas de emprego e desemprego elevado, vai ser um problema", disse ela. Ela afirmou que os dados de hoje mostram que "estamos certamente no caminho para ao menos estabilizar a situação" e enfatizou que apenas um terço dos recursos autorizados pelo pacote de estímulo federal foi gasto. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
desempregoEUA

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.