Casa própria direto com a construtora

Uma das opções para quem pretende comprar um imóvel é obter o financiamento diretamente com a construtora. Nesse caso, o parcelamento do imóvel é feito com a própria construtora e não há uma instituição bancária envolvida no negócio. Odair Senra, diretor da Gafisa, explica que, para liberar o financiamento, é feita a análise de crédito do comprador e o imóvel adquirido entra como garantia. Normalmente, esse tipo de financiamento é feito após a entrega das chaves e tem uma duração mais curta. "Em geral, fazemos financiamentos de até 24 meses justamente porque não queremos atrair riscos para a construtora", diz Senra. Segundo ele, a principal função do incorporador é desenvolver investimentos imobiliários e não financiar aquisições. "Esse papel é dos bancos", argumenta.Como o próprio imóvel é a garantia, o mutuário que optar pelo financiamento direto com a construtora só receberá a escritura após sua quitação. Além disso, há apenas uma situação em que o Fundo de Garantia por Tempo de Serviço (FGTS) pode ser usado: quando o imóvel é pago à vista. Nesse caso, além de preencher os requisitos estipulados pela Caixa Econômica Federal (CEF), o trabalhador precisa ter a diferença entre o valor acumulado no FGTS e o preço do imóvel para pagamento na hora.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.