Casco da plataforma P-52 chega ao Brasil

O casco da plataforma P-52 da Petrobras, que estava sendo construído em Cingapura, chega hoje ao Brasil, após uma viagem de cerca de 40 dias. A embarcação deve ser encaminhada às instalações do estaleiro Brasfels, controlado pela Keppel Fels, em Angra dos Reis, onde vai receber os conveses, gerador de eletricidade e compressor de gás, além de equipamentos que separam a água, areia e gás do óleo recuperado na Bacia de Campos.A plataforma, que será instalada em 2007 no campo de Roncador, foi a primeira a ser encomendada no governo Lula e deverá ter 60% de seu conteúdo composto com equipamentos nacionais. A unidade vai produzir 180 mil barris de óleo e cerca de 9 milhões de metros cúbicos de gás natural por dia. O consórcio Keppel Fels/Technip foi o vencedor da licitação para construir a obra, que deve receber investimentos totais de US$ 800 milhões, sendo a maior parte (80%) financiada pelo BNDES.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.