Fabio Motta/Estadão - 13/5/2013
Fabio Motta/Estadão - 13/5/2013

Casos confirmados de covid-19 no setor de petróleo sobem de 132 para 162 em 24h

A Petrobrás, maior petroleira do País, deixou de divulgar informações sobre seus funcionários contaminados pelo novo coronavírus

Denise Luna, O Estado de S.Paulo

16 de abril de 2020 | 14h30

Em apenas um dia, mais 30 casos de coronavírus foram confirmados em empresas do setor de petróleo e gás, informou nesta quinta-feira, 16, a Agência Nacional de Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis (ANP).

O número de pessoas contaminadas no setor subiu de 132 para 162 entre os dias 14 e 15 de abril, disse a agência. O número de suspeitos de terem sido contaminados subiu de 947 para 1.020 no mesmo período. Desse total, 78 trabalham em plataformas marítimas de exploração e produção, 4 a mais do que havia sido registrado no dia 14.

A Petrobrás, maior petroleira do País, deixou de divulgar informações sobre os empregados infectados alegando proteção à privacidade. Até o fim de março, porém, a empresa havia divulgado que já eram 17 os afetados pela pandemia.

Somente uma plataforma no Espírito Santo, operada pela SBM a serviço da Petrobrás, registrou 53 contaminados pela covid-19 na semana passada, segundo informou a Secretaria Estadual de Saúde do Espírito Santo (Sesa) ao Estadão/Broadcast.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.