Cautela em dia de divulgação da ata do Copom e Fed

O dia nos mercados deve começar mais tarde, às 12h, em função da semifinal da Copa do Mundo, que será disputada entre o Brasil e a Alemanha, às 8h30. A expectativa dos analistas para a reabertura das operações é a continuidade do clima de cautela por parte dos investidores. O principal motivo é o encaminhamento da sucessão presidencial.A pouco mais de três meses do primeiro turno das eleições presidenciais, os números apontados pelas últimas pesquisas eleitorais mostram o candidato do PT, Luiz Inácio Lula da Silva, na liderança das intenções de voto. O candidato pelo PSDB, José Serra, vem mantendo o segundo lugar. A surpresa apontada pela última pesquisa foi o crescimento do candidato do PPS, Ciro Gomes.O processo eleitoral é inegavelmente muito positivo do ponto de vista democrático, mas, se olhado pela perspectiva dos investidores, representa um foco de grande incerteza. O País poderá passar por mudanças na condução da política econômica, o que pode afetar os cenários para os investimentos. O que vem provocando o desconforto dos investidores é justamente essa falta de segurança em relação ao próximo governo.Ata do Copom e FedNessa quarta-feira, um dos principais eventos do dia será a divulgação da ata da última reunião do Comitê de Política Monetária (Copom), que decidiu pela manutenção da Selic, a taxa básica de juros da economia, em 18,5% ao ano, com viés de baixa. Segundo nota divulgada ao final da reunião, o Comitê afirmou que a inflação apresenta-se dentro do esperado, mas o ambiente conjuntural desfavorável impede uma redução dos juros nesse momento.Outro evento esperado é a reunião do Banco Central dos Estados Unidos (Fed), que reavaliará a taxa básica de juros norte-americanos. Atualmente, os juros estão em 1,75% ao ano e a maioria dos analistas aposta em manutenção desse patamar. Segundo eles, a economia do país ainda não dá sinais suficientes para que o Fed possa elevar novamente os juros do país.Não deixe de ver nos links abaixo o resumo dessa semana nos mercados, as dicas de investimento, com as recomendações das principais instituições financeiras, incluindo indicações de carteira para as suas aplicações, de acordo com o perfil do investidor e prazo da aplicação. Confira ainda a tabela resumo financeiro com os principais dados do mercado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.