Celular não-cadastrado terá bloqueio aleatório

A Secretaria de Segurança Pública do Estado de São Paulo determinou o bloqueio aleatório, em lotes de 10 mil, dos celulares pré-pagos não cadastrados. A interrupção dos serviços começa a valer a partir de segunda-feira, de acordo com ofício encaminhado na tarde de hoje pela Secretaria às três operadoras - Telesp Celular, Tess e BCP.A nota distribuída pelo órgão estadual não informa a periodicidade dos bloqueios aos respectivos lotes. A linha somente será desbloqueada depois de o usuário se cadastrar junto ao provedor de serviços, informando dados como nome, endereço, número de identidade e CPF.De acordo com a secretaria, a aplicação de multas, como determina a lei, ainda está sendo estudada, uma vez que o objetivo principal da medida é fazer com que o usuário faça o cadastramento.

Agencia Estado,

24 de julho de 2002 | 20h07

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.