Celular terá concorrência no interurbano

A partir do próximo ano, os usuários da telefonia celular vão se beneficiar da guerra de tarifas nas ligações interurbanas. A concorrência poderá gerar preços mais competitivos e o consumidor vai optar pelo que achar melhor. O modelo seguirá as mesmas regras que valem hoje para a telefonia fixa, implantadas no País em julho passado. De acordo com o presidente da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel), Renato Navarro Guerreiro, as operadoras que prestam este serviço terão um código DDD para que os consumidores possam escolher a operadora no instante em que fizerem uma ligação de longa distância. A medida vai vigorar para as operadoras das bandas A, B e C da telefonia celular. No caso da banda C, este mecanismo vai ser incluído no processo de licitação das novas operadoras. Já para as companhias em operação, a agência reguladora irá negociar o modelo.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.