Coluna

Thiago de Aragão: China traça 6 estratégias para pós-covid que afetam EUA e Brasil

Cerca de 4 mil funcionários do Sudameris fazem greve

Bancários de quatro unidades do Banco Sudameris cruzaram os braços nesta segunda-feira em protesto contra a instituição. Eles protestam, segundo o sindicato, por causa da exclusão da maioria deles do pagamento do Programa de Participação nos Resultados (PPR), remuneração variável baseada no cumprimento de metas estabelecidas pelo banco. De acordo com a Globonews, os quatro prédios da capital paulista reúnem aproximadamente quatro mil bancários que, em assembléia realizada pela manhã, decidiram parar o dia todo. Tradicionalmente, o Sudameris paga a remuneração para o corpo funcional, mas dessa vez privilegiou coordenadores e gerentes, de acordo com a categoria. O sindicato procurou a direção do Sudameris para discutir o assunto, mas até às 10h30 não obteve retorno.

Agencia Estado,

01 de setembro de 2003 | 11h26

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.