Cesta básica de R$ 143,67 é recorde do Real

A cesta básica do paulistano pesquisada pelo Procon-SP, órgão de defesa do consumidor ligado ao governo estadual, atingiu R$ 143,67 hoje, o maior valor desde o início do Plano Real (julho de 1994) pelo segundo dia consecutivo. De ontem para hoje, os preços do grupo de alimentação subiram 0,11%. Já os preços dos produtos de limpeza caíram 0,55% e os de higiene pessoal 0,14%. O custo mínimo apurado para a cesta é de R$ 99,97 e o máximo, R$ 199,53, o que representa uma diferença de 100%. No mês, a cesta acumula alta de 0,93% e nos últimos 30 dias, alta de 2,89%. No ano, a cesta já subiu 1,58% e nos últimos 12 meses, 9,42%. A alta acumulada desde a implantação do Plano Real é de 35,03%.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.