Cesta básica tem alta de 0,87%

Pesquisa diária do Procon-SP, órgão de defesa do consumidor, em convênio com o Departamento Intersindical de Estatísticas e Estudos Sócio-Econômicos (Dieese), revela que durante a segunda semana de dezembro de 2000 o valor da Cesta Básica do paulistano teve alta de 0,87%. O preço médio, que no dia 07/12/2000 era R$137,42, passou para R$138,62 em 14/12/2000. Por grupo, foram constatadas as seguintes variações: Alimentação +0,77%, Limpeza +2,82% e Higiene Pessoal - 0,36%. Os produtos que mais pressionaram a alta no período foram nesta ordem: sabão em pó: 3,47%, óleo de soja: 5,88%, ovos brancos: 4,14%, sabão em barra: 3,85% e arroz tipo 2: 1,20%. Nesta semana, os supermercados com os melhores preços da Cesta Básica foram: Barateiro (Santa Cecília e Vila Mariana), Andorinha (Vila Amália) e Estrela Azul (Vila Guilhermina) e Castanha (Vila dos Remédios).

Agencia Estado,

15 de dezembro de 2000 | 19h12

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.