Cesta de compras no RJ sobe 0,45% na 2ª semana de outubro

O custo das cestas de compras das famílias no Município do Rio de Janeiro subiu 0,45% na segunda semana de outubro (período entre os dias 8 e 15), de acordo com pesquisa do Instituto Fecomércio-RJ, divulgada hoje. Segundo a entidade, foi a primeira alta após sucessivas quedas registradas desde o início de setembro.Em comunicado, a organização alerta que "caso essa tendência continue, o instituto prevê fechamento do mês com o custo da cesta em alta, o que não acontece desde agosto". Com o resultado, o custo médio da cesta da segunda semana passou para R$ 305,83.Em comparação com a primeira semana do mês de outubro, a alta dos custos na segunda semana do mês atingiu todas as faixas de renda pesquisadas pelo instituto.Maiores altas e baixasNo período semanal, os produtos que mais subiram de preço foram pão francês (7,42%) e lingüiça (3,80%). No entanto, alguns produtos registraram queda nos preços nesse período, sendo que as mais expressivas foram a do tomate (6,00%), a da cenoura (5,58%) e a da cebola (5,51%).No período mensal, compreendido entre 17 de setembro e 15 de outubro, a cesta apresentou alta média de 0,19%. Os produtos que mais contribuíram para esse aumento no período mensal foram: banana prata (16,53%), laranja pêra (7,45%) e pão francês (6,90%).Em contrapartida, as maiores quedas de preços foram observadas nos seguintes produtos: cebola (26,14%), tomate (17,85%) e cenoura (15,74%). No ano, o Instituto Fecomércio-RJ apurou alta média de 3,79% no custo das cestas de compras. Em relação aos últimos 12 meses, a alta média acumulada foi de 5,70%. A pesquisa da cesta de compras abrange 39 produtos que mais pesam no orçamento consumidos por famílias de dez diferentes faixas de renda.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.