Chances de o desemprego em 2013 estar abaixo de 8% nos EUA são boas

Afirmação é de Jeffrey Lacker, presidente do Fed de Richmond, que tem direito a voto no FOMC, o comitê de política monetária do banco central norte-americano

Patrícia Braga, da Agência Estado,

30 de março de 2012 | 12h34

Existe uma "boa chance" de o desemprego nos EUA cair abaixo de 8% em 2013 e o crescimento econômico ficar em torno de 3%, com a inflação em cerca de 2%, afirmou Jeffrey Lacker, presidente do Fed de Richmond.

Em entrevista à rede CNBC, Lacker disse com continuar a apostar em crescimento este ano de entre 2% a 3%, "com espaço para otimismo". Lacker, que tem direito a voto no FOMC, repetiu também sua posição contrária ao estímulo monetário adicional, dizendo que os EUA estão "longe" da necessidade deste tipo de ação, e que a recente desaceleração na produtividade é temporária.

Lacker também afirmou que a Europa agora apresenta um "risco menor que deve diminuir" e que os EUA tem pouca demanda para empréstimos bancários. As informações são da Dow Jones

Tudo o que sabemos sobre:
GréciacriseeurobônusLacker

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.