Renda extra

Fabrizio Gueratto: 8 maneiras de ganhar até R$ 4 mil por mês

Chávez: Petrobras e PDVSA vão formalizar acordo dia 28

A Petrobras e a Petróleos de Venezuela (PDVSA) vão formalizar o plano de construir uma refinaria em conjunto no próximo dia 28 de setembro, afirmou o presidente venezuelano, Hugo Chávez. O plano continua em andamento, apesar do aumento das estimativas de custo. "Nós concordamos que um dos documentos a serem assinados (na data) será um compromisso para criar a joint venture para construir a refinaria", disse Chávez.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

31 de agosto de 2009 | 12h34

As duas estatais já haviam indicado que o acordo para construção da refinaria seria assinado no próximo mês, mas nenhuma data específica tinha sido anunciada. Tem havido certa especulação de que um dos lados no negócio poderia abandonar o plano, em razão do forte aumento das estimativas de custo. Na semana passada, a Petrobras informou que a Refinaria Abreu e Lima, em Pernambuco, terá capacidade de 230 mil barris por dia, o que vai exigir investimentos totais de cerca de US$ 12 bilhões, o triplo das projeções anteriores.

Mas, embora tenha afirmado que os dois lados reconheceram que o preço é "realmente alto", Chávez afirmou que ambos estão tentando encontrar meios de reduzir esses custos. O presidente venezuelano disse também que os altos custos não impedirão a participação da PDVSA no projeto, que é parte importante da integração regional. As informações são da Dow Jones.

Tudo o que sabemos sobre:
refinariaPetrobrasPDVSAHugo Chávez

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.