Chefe da missão do FMI recomenda aprovação da revisão do acordo

Após reunião com o ministro da Fazenda, Antonio Palocci, o chefe da missão do FMI no Brasil, Charles Collyns, informou que vai recomendar à direção do fundo a aprovação da décima e última revisão do acordo firmado com o governo brasileiro. A exemplo do que fez em dias anteriores, o representante do fundo elogiou a economia brasileira. E afirmou que a economia está sendo bem administrada.Ele disse que o governo continua indo à frente com a agenda de reformas estruturais, que ele classificou de muito ambiciosa. Na sua avaliação, essa agenda de reformas é muito importante para manter o crescimento sustentado da economia brasileira. Sobre a possibilidade de renovação do acordo, o representante do fundo disse que o governo está estudando essa questão e ainda não tomou sua decisão final. "O governo tem que analisar se quer buscar tal arranjo", afirmou. Questionado sobre quando a decisão será tomada, ele disse que essa é uma pergunta que deve ser feita a Palocci.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.