Chevron forma parceria para produzir etanol

A americana Chevron, uma das maiores petrolíferas do mundo, informou que políticas públicas de incentivo ao etanol motivaram sua decisão de formar uma joint venture (parceria) para produzir o álcool a partir de produtos não alimentícios. A companhia disse que formou uma joint venture com a Weyerhaeuser Company, de Washington, com foco no desenvolvimento de combustíveis produzidos a partir de fontes não alimentícias. As empresas não revelaram a escala financeira do programa."Há um sinal sendo enviado para desencorajar o consumo de gasolina neste país e para aumentar o consumo de etanol", disse o vice-presidente executivo de Distribuição Global da Chevron, Mike Wirth. A gigante petrolífera ainda busca oportunidades para expandir suas refinarias, mas as políticas públicas sinalizam ao mercado para investimentos em fontes renováveis", afirmou o executivo.Segundo Wirth, a Chevron acredita que o etanol derivado de produtos não alimentícios, como sobras agrícolas e biomassa, é uma forma particularmente viável de combustível renovável. "Acreditamos no etanol a partir de celulose como um caminho que será parte da solução", afirmou. As informações são da Dow Jones.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.