Chile: BC corta taxa de juro para 4,25%

O Banco Central do Chile cortou a taxa básica de juros em 0,25 ponto porcentual, para 4,25%. Em um comunicado emitido após a reunião de política monetária, a instituição afirmou que segue esperando uma recuperação da economia dos parceiros comerciais do país nos próximos trimestres, sustentada pelas economias desenvolvidas, especialmente a dos Estados Unidos.

DANIELLE CHAVES, Agencia Estado

18 de fevereiro de 2014 | 19h21

"A inflação nessas economias continua baixa, o que sinaliza uma lenta normalização das políticas monetárias", afirmou o banco central, acrescentando que "a economia chilena continua melhorando seu dinamismo".

A instituição admitiu que nos próximos meses pode ser necessário adotar mais estímulo monetário para garantir que a inflação prevista fique em 3% no horizonte de sua política monetária. "Contudo, mudanças futuras na taxa básica dependerão das consequências das condições macroeconômicas internas e externas sobre as perspectivas de inflação", destacou o banco central.

Tudo o que sabemos sobre:
ChileBCjurotaxa

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.