Chile declarado país livre do mal da vaca louca

O Chile foi declarado oficialmente como país provisoriamente livre da Encefalopatia Espongiforme bovina, mais conhecida como o mal da vaca louca, pela Organização Mundial de Saúde Animal (OIE), informaram nesta sexta-feira fontes oficiais.A OIE adotou a decisão durante sua 74ª assembléia geral, que se realiza esta semana em Paris, França, informou o ministro de Agricultura do Chile, Alvaro Rojas, em entrevista coletiva junto com o diretor do Serviço Agrícola e de Criação de Gado (SAG), Francisco Bahamonde.A declaração oficial "constitui um grande avanço no objetivo de transformar o Chile em uma potência agroalimentar", destacou Rojas, que explicou que a OIE adotou a decisão após avaliar os antecedentes do país desde o ano passado.O Chile apelou perante o organismo depois que uma comissão técnica da União Européia incluiu o país em uma categoria maior de risco.Agora, com a declaração da OIE, a União Européia deverá fazer uma nova avaliação da condição do Chile, explicou Francisco Bahamonde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.