Chile vai eliminar imposto de importação em 2015

O Estado de S.Paulo

28 de abril de 2012 | 03h03

Uma das medidas no pacote geral de impostos do presidente do Chile, Sebastian Piñera (foto), anunciado ontem, visa eliminar os impostos de importação em 2015, afirmou o ministro de Finanças, Felipe Larrain. Atualmente, o Chile aplica 6% de imposto para bens importados de países que não possuem acordo de livre comércio com o país andino. A Lei, que foi enviada ao Congresso na segunda-feira, propõe o corte do imposto de importação para 4% em 2013, para 2% em 2014 e eliminação do imposto a partir de 2015.

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.