China apóia candidato brasileiro à chefia da OMC

A China apóia o candidato do Brasil à chefia da Organização Mundial do Comércio (OMC), anunciou hoje um porta-voz do Ministério do Comércio chinês, Chong Quan, citado pela Agência Nova China. O embaixador Luiz Filipe de Seixas Corrêa é o representante do Brasil na OMC e candidato ao cargo de diretor-geral da organização, atualmente comandada pelo tailandês Supachai Panitshpakdi, cujo mandato termina no final de agosto. O principal candidato é o francês Pascal Lamy, ex-comissário europeu do Comércio. No dia 31 de maio, o Conselho Geral da OMC escolherá por consenso o sucessor. A lista de candidatos inclui ainda o uruguaio Carlos Perez del Castillo, que foi embaixador do Uruguai na OMC, e o chefe da diplomacia e do comércio das Ilhas Maurícias, Jaya Krishna Cuttaree.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.