China aprova compra da sueca Volvo pela Zhejiang Geely

Decisão abre espaço para que uma empresa chinesa adquira pela 1ª vez o controle de um grande marca de carros mundial 

Clarissa Mangueira, da Agência Estado,

29 de julho de 2010 | 11h18

O Ministério de Comércio da China disse que aprovou a compra da fabricante sueca de automóveis Volvo, que pertence à montadora norte-americana Ford, pela Zhejiang Geely Holding Group, abrindo caminho para que uma empresa chinesa adquira pela primeira vez o controle de uma grande marca de carros mundial.

O acordo destaca o aumento do perfil internacional das cada vez mais poderosas empresas chinesas e ocorre após a China ultrapassar os EUA como o maior mercado de automóveis no ano passado.

O acordo não necessita da aprovação de outras agências do governo chinês, afirmou um funcionário do departamento de imprensa do Ministério do Comércio.

Em março, a Geely disse que concordou em pagar US$ 1,8 bilhão pela Volvo, em um movimento que dará a companhia sua primeira presença internacional significante.

O porta-voz da Geely, Ning Shuyong, se recusou a comentar o assunto, mas disse que a companhia ainda estava elaborando preparativos para a aquisição, sem fornecer mais detalhes. As informações são da Dow Jones.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.