finanças

E-Investidor: "Você não pode ser refém do seu salário, emprego ou empresa", diz Carol Paiffer

China assume 'culpa parcial' no recall da Mattel

O governo da China reconheceu ontem "que houve uma culpa parcial das empresas chinesas" nos problemas de produção que originaram o recall mundial de 21,8 milhões de brinquedos da Mattel. Segundo o vice-ministro do comércio chinês, Gao Hucheng, os testes feitos pelo governo apontaram que 14% dos brinquedos dos lotes devolvidos pela Mattel continham excesso de chumbo por erro de produção."O excesso de chumbo na pintura dos brinquedos foi provocado por duas falhas: uma durante o processo de produção e outra durante a compra dos ingredientes que compõem a pintura", disse Gao. Mas, segundo ele, o "comprador é parcialmente responsável, ao deixar de controlar a qualidade dos lotes recebidos". De acordo com Gao, a encomenda também foi feita antes de os Estados Unidos mudarem suas normas e padrões de segurança relativos aos brinquedos.

AE, Agencia Estado

24 de agosto de 2007 | 07h55

Encontrou algum erro? Entre em contato

Tendências:

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.